Dua rodas: Recordista brasileiro e “Ciclista Maluco” estiveram de passagem por Vilhena

set 23 • Destaque • 754 Visualizações • Nenhum comentário em Dua rodas: Recordista brasileiro e “Ciclista Maluco” estiveram de passagem por Vilhena

Por uma feliz coincidência os ciclistas, Valdeni Pinheiro Alves, 36 anos e Janilton Ferreira, 59 anos, se encontraram na cidade de Vilhena no último final de semana. Os dois aventureiros que percorrem o país sobre duas rodas, pedalando cerca de 80 quilômetros por dia, têm em suas jornadas, propósitos diferentes.

Janilton, que se autodenominou “Ciclista Maluco”, saiu da capital gaúcha, Porto Alegre, no dia 19 de maio de 2012 e pedalou até a cidade de Caiena, capital da Guiana Francesa e passa por Vilhena fazendo o caminho de volta para sua cidade natal, pretendendo alcançar esse feito, até o mês de fevereiro, quando completará 60 anos de idade.

Bem articulado com as palavras, o ciclista que já foi fotografado com celebridades, disse que esse era um sonho de adolescência, e que no ano de 1986, começou fazendo pequenas viagens. “Fui pedalando para estados vizinhos ao Rio Grande do Sul e países vizinhos ao Brasil, como Argentina e Uruguai, mas só agora depois de “Velho”, resolvi sair pelo país inteiro”, argumentou.

O amazonense Valdeni Pinheiro, que hoje mora em Porto Velho, mas que também já residiu em Vilhena, está no livro dos recordes. É dele a trajetória mais rápida em cima de uma bicicleta, onde percorreu todas as capitais brasileiras. O feito alcançado em 230 dias aconteceu no ano de 2012, quando residia em Vilhena.

Dessa vez, Pinheiro está de passagem pela cidade e pretende chegar até a cidade de Belém, no estado paraense, onde irá pagar uma promessa por uma dádiva alcançada. O ciclista pedala rumo ao Círio de Nazaré.

Dua rodas: Recordista brasileiro e “Ciclista Maluco” estiveram de passagem por Vilhena
Valdeni Pinheiro Alves
 

Janilton Ferreira quando encontrou o atacante da seleção brasileira, Neymar.
 

 

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »