ARJORE: NOTA DE REPUDIO A TENTATIVA DE HOMICÍDIO AO JORNALISTA IVAN PEREIRA

abr 5 • Geral • 736 Visualizações • Nenhum comentário em ARJORE: NOTA DE REPUDIO A TENTATIVA DE HOMICÍDIO AO JORNALISTA IVAN PEREIRA

A ARJORE (Associação dos Jornais Eletrônicos de Rondônia), através de seu presidente, Almi Coelho, repudia todo e qualquer ato de violência praticado contra jornalistas, este ato cruel e covarde é uma tentativa clara de calar a imprensa de Cujubim, que exerce uma função de extrema importância para a construção de uma comunidade justa, onde prevaleça a paz e a unidade de seus cidadãos.

Neste momento, nos reportamos às autoridades responsáveis, para que empenhem com todas as forças do Estado para a elucidação deste crime, haja vista, que a cidade de Cujubim tem se destacado como uma das mais violentas do Brasil, amordaçar a imprensa é um claro sinal de vitória dos bandidos.

A tentativa não foi só contra a Imprensa, e sim contra o povo de bem e as forças de segurança do Estado de Rondônia, é importante observar que a omissão do Estado gera a sensação de impunidade, motivando que atos similares continuem acontecendo, o empenho e a solução deste caso será uma resposta àqueles que têm interesses a margem da lei.

Para o bem do Estado e da população de Cujubim, a ARJORE pede o máximo empenho das autoridades responsáveis: Delegado da 1ª DPC de Ariquemes Drº Rodrigo Duarte, da 2ª DPC de Ariquemes Drº Vinícius Lucena, do Delegado Regional Drº Thiago Flores, do Diretor Geral da Poícia Civil Drº Elizeu Muller, Secretário de Estado da Segurança Drº Antônio Carlos Reis e do Comandante Geral da Polícia Militar do Estado Coronel Enedy, juntamente com suas equipes, que assuma o caso como questão de honra para as forças de segurança, pois este é o desejo do povo e neste momento de tal violência que assola a comunidade, precisa de uma resposta urgente.

Almi Antônio Coelho – Presidente da ARJORE
Foto: Encontro da ARJORE/2015.

  • liberdade-de-imprensa

 

 

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »