BR 364: MOTORISTA MORRE CARBONIZADO AO BATER DE FRENTE COM CARRETA

abr 4 • Destaque, Geral • 1920 Visualizações • Nenhum comentário em BR 364: MOTORISTA MORRE CARBONIZADO AO BATER DE FRENTE COM CARRETA

Mais um grave acidente com morte foi registrado na BR 364, conhecida por alguns como “rodovia da morte”. Desta vez, o fato ocorreu entre as cidades de Jaci Paraná e Nova Mutum. Uma pessoa morreu e outras duas ficaram feridas.

Segundo informações colhidas junto à um Policial Rodoviário Federal, o mesmo informou que em contato com o motorista do caminhão, foi informado que ele estaria transitando no veículo sentido Porto Velho/Nova Mutum, quando em uma curva, foi surpreendido pelo condutor de um veículo VW Fox, que invadiu a pista contrária, vindo a colidir frontalmente com o caminhão.

O carro de passeio estaria com um galão de 40 litros de combustível, fazendo com que no momento da violenta batida, ambos os veículos se incendiassem. Na colisão, o veículo FOX foi arrastado por cerca de 20 metros até parar às margens da BR. Ao ver o fogo se alastrando, o motorista e seu parceiro de trabalho, pularam pela janela, vindo a sofrer algumas escoriações.

Tendo em vista o motorista do carro ter ficado preso às ferragens, a dupla de trabalhadores nada pôde fazer em meio as chamas. A vítima foi identificada como sendo Pedro Brasil da Silva, 53 anos. Segundo familiares, ele estaria levando o combustível para colocar em uma voadeira que possui. Segundo informou o motorista do caminhão, a carga do veículo possui seguro e estaria avaliada em cerca de R$400 mil reais.

Devido a BR estar alagada na cidade de Jaci Paraná, o deslocamento até o local foi bastante trabalhoso e demorado, pois apenas duas balsas pequenas estavam realizando a travessia dos mais diversos veículos. A perícia técnica da Policia Civil foi ao local junto com o IML e após os trabalhos de praxe, o corpo foi removido para Porto Velho.

 

Fonte:News Rondônia

fogo09 fogo08 fogo07 fogo06 fogo05 fogo04 fogo03 fogo02 fogo01 fogo fogo

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »