Homem é preso em flagante fazendo sexo com porca na Expoacre

jul 31 • Geral • 2814 Visualizações • Nenhum comentário em Homem é preso em flagante fazendo sexo com porca na Expoacre

E você achando que já tinha visto de tudo! rsrs se engana pequeno gafanhoto, vem comigo que eu vou te contar oque anda acontecendo lá naquela terra esquecida que insistem dizer que faz parte do Brasil shusahsuhausha.

Seguranças da Expoacre detiveram em flagrante, na madrugada de segunda para terça feira, um homem que estava abusando sexualmente de uma porca, uma matriz selecionada para reprodução e que faz parte do plantel de animais de qualidade superior da empresa Dom Porquito que está sendo mostrado na Feira.

O homem confessou que estava em pleno ato sexual com o animal, mas alegou que não conseguiu chegar ao clímax, pois os seguranças o teriam impedido no meio do coito, O fato causou revolta tanto entre os seguranças como entre os criadores, que tiveram que isolar a matriz suína para exames. A porca tem registro nacional de qualidade e linhagem, com o número 26.209.

A matriz de raça Landrace foi adquirida junto à unidade de desenvolvimento da qualidade da suinocultura em Patos de Minas – Minas Gerais, onde se encontra um centro de excelência em fornecimento de matrizes para todo o país. O animal tem toda a certificação de saúde, exames veterinários em dia e nunca manteve qualquer tipo de atividade reprodutiva com machos. A fêmea só engravida por inseminação artificial e qualquer contato genital pode comprometer sua saúde e a viabilidade como reprodutora.

A porca faz parte da exposição montada para o evento do I Seminário de Suinocultura do estado, que visa divulgar, estudar e aprimorar a cadeia produtiva dessa atividade, especialmente voltada para os pequenos e médios produtores rurais.

Pela lei brasileira, o sexo com animais não é crime, mas a empresa pode exigir reparação por danos materiais, uma vez que o contato íntimo pode ter exposto a matriz a uma série de ameaças sanitárias. Curiosamente, o autor do ato sexual, neste caso, não corre nenhum risco de saúde, uma vez que a porca está com todos os exames em dia. Agora, ela está em local isolado e entregue aos cuidados de veterinários da empresa.

Os responsáveis pela Expoacre, embora revoltados com o acontecimento, evitaram fazer qualquer pronunciamento público.

A empresa Dom Porquito espera triplicar a produção de suínos no estado e para isso comprou recentemente 1.500 matrizes, entre as quais a fêmea agredida e quinze machos reprodutores.

Fonte: Folha Pimentense

mother-of-god-meme

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »