Veículos roubados em Rondônia são revendidos em Guayaramerín, Bolívia

nov 16 • Notícias • 553 Visualizações • Nenhum comentário em Veículos roubados em Rondônia são revendidos em Guayaramerín, Bolívia

O roubo de veículos em Rôndonia é frequente. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do estado, em oito meses, cerca de dois mil veículos foram roubados, sendo que mais da metade tem como destino a cidade boliviana de Guayaramerín.

Carros, motos e caminhonetes de modelos fabricados no Brasil são facilmente encontrados na cidade boliviana. A grande maioria trafega pela cidade sem placas ou com placas da Bolívia. A falta de fiscalização nas BRs 364 e 452, que são as principais rotas das quadrilhas bolivianas e brasileiras, facilita o desempenho das quadrilhas que furtam os veículos do lado brasileito. Os carros são levados de balsa para a Bolívia.

De cada 10 caminhonetes, carros de passeio e motos roubados em Rondônia, sete vão para a Bolívia, onde a maioria é trocada por entorpecentes como cocaína, por menos da metade do valor comercial dos veículos. O delegado Milton Santana da Silva explica que, dependendo da caminhonete, os ladrões conseguem de três a quatro quilos de droga, que equivale a até R$ 20 mil sendo que a caminhonete vale até R$ 130 mil. “A moto que tem um preço médio de R$ 10 mil eles vendem por R$ 2,5 mil e R$ 3 mil”.

O delegado também comenta que muitas quadrilhas roubam carros para atender a encomenda de outras quadrilhas. “Já houve investigações que a gente sabia que as pessoas estavam reencomendando algum tipo de veículo”, afirma Milton.

 

Somente na cidade de Guajará-Mirim (RO), a polícia recebe nove queixas de roubo de moto por mês. Uma mulher que não quis se identificar explica que sofreu um assalto a mão armada e que suspeita que a moto roubada esteja na Bolívia.”Fui muitas vezes lá na Bolívia ver se achava porque, se eu achasse, eu ia dar um jeito de trazer eu mesma, por conta própria, sem ajuda de ninguém”, diz.

Em 2013, as quadrilhas roubaram mais de 228 mil veículos em todo país. Em Rondônia, de janeiro a setembro de 2014, os ladrões levaram 1.985 veículos, o que equivale a um aumento de 12% em relação do mesmo período do ano passado.

O secretário de segurança pública de Rondônia, Antônio Carlos dos Reis, comenta que a polícia brasileira só consegue agir quando o veículo está no lado do Brasil, mas, desde 2006, existe um acordo bilateral para a restituição de veículos roubados.

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »

Rondônia Manchete
www.rondoniamanchete.com.br