HERÓI: POLICIAL MILITAR COLOCA SUA VIDA EM RISCO PARA SALVAR JOVEM EM CACOAL

dez 29 • Destaque, Polícia, Todas as Notícias • 99 Visualizações • Nenhum comentário em HERÓI: POLICIAL MILITAR COLOCA SUA VIDA EM RISCO PARA SALVAR JOVEM EM CACOAL

O que era para ser um acidente de trânsito envolvendo uma carroça de tração animal e um carro, quase se transformou numa tragédia, com ameaças de morte, lesão corporal e apropriação indébita. Uma jovem por pouco não foi atacada a golpes de facão, pelo proprietário da carroça, que no momento do acidente bebia em um bar.

Segundo testemunhas, o dono da carroça, ao ver que seu animal havia morrido em decorrência da colisão, se revoltou e perdeu o controle. A operadora de caixa ainda tentou resolver a situação no diálogo, mas não obteve sucesso. A jovem se livrou das agressões devido à interferência do da PM e aluno a cabo, Jackson Lisboa. Em dia de folga, o soldado agiu e salvou a vida da mulher

 

Sob efeito de bebida alcoólica, o carroceiro se armou com um facão e investiu contra a condutora do carro. O soldado PM Lisboa, que mora nas proximidades de onde ocorreu a colisão, estava em casa deitado quando ouviu o impacto e imediatamente saiu de casa para ajudar.

Ao observar que o carroceiro, em fúria, partiu para cima da mulher armado com o facão, o PM sacou a arma e anunciou que era policial, ordenando ao agressor jogar o facão e se deitar no chão. O carroceiro foi rendido e recebeu voz de prisão.

Todos os vizinhos presenciaram o desfecho da ocorrência e parabenizaram a atitude do policial, que mesmo em seu descanso saiu para defender a vida da operadora de caixa que se quer ele conhecia.

Sobre o ocorrido, o soldado PM Lisboa fez questão de relembrar a “máxima” que aprendeu durante o seu curso de formação. “As pessoas estão dizendo que fui herói, só sei que quando vi o carroceiro armado, não pensei duas vezes e decide agir. Nessas horas você nem faz questão de saber se deve ou não agir, apenas age, é o instinto.”

A vítima, salva pela atitude do soldado PM Lisboa, fez questão de agradecer a ação e heróica do policial. “Se não fosse ele (PM Lisboa), nem sei se estaria viva, senti muito medo, estava frágil e indefesa e só tenho que agradecer, muito obrigada mesmo”.

Fonte: 010 – pm ro

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »