Homem é preso suspeito de matar ex-mulher e jogar corpo em matagal

fev 12 • Notícias, Polícia • 1495 Visualizações • Nenhum comentário em Homem é preso suspeito de matar ex-mulher e jogar corpo em matagal

Um servidor público foi preso na manha desta terça-feira (11), em Ji-Paraná (RO), como principal suspeito de matar a ex-mulher e, segundo a polícia, jogar o corpo em uma área próxima ao aeroporto José Coleto. O suspeito foi capturado e confessou o crime na delegacia. A vítima, Camila Soares de Morais, tinha um filho com o suspeito. A polícia investiga se uma briga pela guarda da criança pode ter relação com o homicídio.

Uma testemunha denunciou que viu quando um homem deixou o corpo no local, antes de fugir em um carro vermelho. Momentos depois, um carro com as mesmas características foi visto em um lava-jato no Bairro Nova Brasília e marcas de sangue foram encontradas no porta-malas do veículo. O proprietário do veículo foi encontrado na residência onde mora, no Bairro Val Paraíso.

Ao G1, o Sargento da PM Décio Silva disse que o suspeito reconheceu a foto da vítima e negou o crime, no momento da prisão. Mas, ao chegar à delegacia, confessou o crime, com detalhes de como cometeu o assassinato. “Ele disse que pegou a moça e levou para seu trabalho, no distrito de Bandeira Branca, próximo a Presidente Médici (RO), e depois de uma discussão, entraram em luta corporal, e acabou matando a vítima estrangulada e com socos na região da cabeça”, relata Silva.

Na delegacia, o suspeito afirmou que não tinha intenção de matar a vítima, mas foi ameaçado. “Eu perdi a cabeça na hora e deu nisso aí”, conta o suspeito. O servidor público não tem outras passagens pela polícia e permanecerá preso. Ele pode ser indiciado por homicídio doloso, de acordo com a polícia.

 

Fonte:G1

    Publicações Relacionadas

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    « »