Justiça manda soltar suspeitos de chefiar organização criminosa em RO

mar 15 • Polícia • 745 Visualizações • Nenhum comentário em Justiça manda soltar suspeitos de chefiar organização criminosa em RO

A Justiça de Rondônia concedeu habeas corpus, nesta quinta-feira (13), para Alberto Ferreira Siqueira, o Beto Baba, e Fernando Braga Serrão, o Fernando da Gata, apontados pela Polícia Civil como líderes de suposta organização criminosa desarticulada na Operação Apocalipse. Os dois deixaram a Penitenciária de Médio Porte (Pandinha) ainda nesta quinta-feira. Segundo o Tribunal de Justiça, o motivo alegado para concessão de liberdade foi excesso do tempo de prisão preventiva.

Presos desde julho do ano passado, a Polícia Civil apontou que eles eram os líderes de uma suposta organização criminosa que teria como objetivo financiar campanhas políticas com dinheiro do narcotráfico e estelionato. A operação revelou que a suposta organização teria movimentado mais de R$ 80 milhões quatro estados.

Cinquenta pessoas foram indiciadas por vários crimes como peculato, associação para o tráfico de drogas e estelionato na operação, entre elas quatro vereadores. Em fevereiro deste ano, audiências de instrução e julgamento foram realizadas para ouvir testemunhas do caso.

Nesta semana, a operação também teve repercussão política na Assembleia Legislativa de Rondônia, com a condenação por quebra de decoro de três dos cinco deputados estaduais investigados na operação. Eles foram afastados dos cargos e também não terão direito à salário. Já na Câmara Municipal de Porto Velho, a Justiça mandou suspender os efeitos da sessão que também votou os pedidos de cassação dos parlamentares envolvidos. Eles haviam sido absolvidos pelos colegas.

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »