Follador agradece senador Marcos Rogério, pela abertura do acesso no Trevo da BR-421 com BR-364

jan 14 • Política02, Todas as Notícias • 25 Visualizações • Nenhum comentário em Follador agradece senador Marcos Rogério, pela abertura do acesso no Trevo da BR-421 com BR-364

Por Ronaldo Afonso do Amaral — publicado 13/01/2020 08h50 modificação 13/01/2020 08h50

Acesso direto com o general Santos Filho, que chefia o Dnit, foi fundamental para obra paliativa

Foram iniciadas na manhã de sábado (11) as obras paliativas para liberação do acesso, pelo trevo, entre as BR’s 364 e 421, em Ariquemes. 

O deputado Adelino Follador (DEM) agradeceu ao senador Marcos Rogério (DEM), e ao general Santos Filho, diretor geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), que se comprometeu pessoalmente em atender ao pedido. 

“Eu e o vice-prefeito, Lucas Follador (DEM), temos acompanhado e cobrado das autoridades uma solução urgente, o que pode ser conferido através dos registrados em nossas redes sociais e pela imprensa, especialmente por intermédio do senador Marcos Rogério, que é presidente da Comissão de Infraestrutura do Senado, e esteve com a gente por várias vezes no local, a última vez no dia 23 de dezembro”, disse Adelino. 

Ainda segundo o deputado, no mesmo dia conseguiram falar, por telefone, com vários dirigentes do Dnit, inclusive com o general Santos Filho, em Brasília, que se comprometeu em dar atenção especial e enviar profissionais ao local para levantar as condições. 

Alguns dias depois, Adelino foi informado pelo engenheiro do órgão, que não seria possível fazer o paliativo. Posição que não concordou e mais uma vez argumentou sobre a necessidade e os transtornos causados, e depois de muita insistência obteve o sinal positivo, e na manhã deste sábado (11), o senador Marcos informou do início dos trabalhos e a possibilidade de liberar o trânsito no mesmo dia. “Agora é continuar cobrando pela conclusão da obra”, finalizou Follador.

Fotos e Texto: Assessoria

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »