Deputada Marinha Raupp trabalha para agendar audiência dos sindicalistas com a Ministra do Planejamento

mar 18 • Política • 901 Visualizações • Nenhum comentário em Deputada Marinha Raupp trabalha para agendar audiência dos sindicalistas com a Ministra do Planejamento

 

A deputada federal Marinha Raupp e o senador Valdir Raupp estão empenhados na transposição dos servidores do ex-território de Rondônia para os quadros da União

 

Na manhã desta segunda-feira, o senador Valdir Raupp informou aos participantes da assembleia convocada pelos sindicatos, que cobrou a transposição durante a viagem realizada no sábado (15) com a Presidente Dilma. Segundo ele, a Presidente chamou o ministro chefe da AGU, Luís Inácio Lucena Adams, e pediu para que o processo fosse agilizado.

Conforme o senador Raupp, a deputada federal Marinha Raupp está trabalhando para agendar uma audiência dos sindicalistas com a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, para tratar do assunto.

Em seu discurso, no Plenário da Câmara dos Deputados, pronunciado na tarde desta segunda-feira (17), Marinha Raupp destacou o Ato Público realizado em Porto Velho e relatou o diálogo entre o Senador Raupp, a presidente Dilma Rousseff e o ministro da AGU, Luís Adams. “A Presidenta Dilma, de pronto, disse: Agilize”, pronunciou.
Além disso, a deputada falou sobre o processo de tramitação da PEC da Transposição, iniciado em 30 de agosto de 2005, até a sanção presidencial, em 23 de abril de 2013.

Ao concluir o discurso, Marinha Raupp pediu celeridade na Transposição, ressaltando: hoje, no dia 17 de março de 2014, o que nós pedimos é que não deixem a esperança dos servidores do ex-território acabar. São quase 2 mil processos que a Comissão Interministerial poderia fazer essa análise agora; que esses servidores poderiam ser reconhecidos como servidores do ex-território; que poderiam ser incluídos na folha de pagamento, porque foi unanimidade nesta Casa e no Congresso Nacional a provação dessa matéria.

De acordo com a deputada Marinha Raupp, esse trabalho em conjunto se dá pela necessidade do reconhecimento que o Governo brasileiro tem de uma dívida histórica para com o Estado de Rondônia, para com o ex-território, para com os servidores do ex-território. A deputada lembrou que a ministra Miriam Belchior disse na reunião de bancada com os sindicalistas: que tão logo saísse o parecer da AGU, a ministra receberia o Sindicato com a Bancada.

Segundo Marinha Raupp, a necessidade de dialogarmos com os Presidentes dos sindicatos é importante, para que a esperança do servidor do ex-território de Rondônia não acabe, e a gente continue mantendo acesa essa chama da esperança do reconhecimento da dívida histórica que o Brasil tem com um Estado novo, um Estado da Amazônia, o Estado de Rondônia, que tanto tem ajudado o Brasil, produzindo energia para desenvolver o País.

 

 

Texto – Carlos Eduardo de Lima

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »