Falsa Médica fingia passar mal quando não sabia realizar procedimentos clínicos em plantões

jan 29 • Destaque, Notícias • 1503 Visualizações • Nenhum comentário em Falsa Médica fingia passar mal quando não sabia realizar procedimentos clínicos em plantões

A estelionatária Daniele Cotrim Guimarães, de 33 anos, foi presa nesta segunda-feira (27) após apresentar uma carteira de médica falsa na 6ª Delegacia Territorial de Brotas, em Salvador. A acusada utilizava a carteira do Cremeb (Conselho Regional de Medicina do Estado da Bahia) de outra médica.

 

Daniele realizava plantões em Salvador e Candeias, região metropolitana, e quando não sabia executar algum procedimento clínico dizia que estava passando mal. A estelionatária já inventou que um paciente estava a assediando sexualmente para não realizar uma sutura.

 

A investigação contra Daniele começou em dezembro do ano passado depois que um farmacêutico, desconfiado dos erros de prescrição existentes nas receitas preenchidas por ela, entrou em contato com a verdadeira médica, que registrou queixa na delegacia. A estelionatária já havia trabalhado no Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) de Candeias se passando por especialista em clínica e cirurgia geral.

 

Com a mulher foram apreendidas receitas da Secretaria Municipal de Saúde de Candeias, além de soliciações de exames e um uniforme do SAMU, que estavam na bolsa dela.

 

A falsa médica costumava cobrir plantões de profissionais que estavam folgando. O companheiro de Daniele, Paulinele Teixeira Conceição, 38 anos, também foi preso por apresentar uma carteira de habilitação.

 

 

Fonte:rondoniaovivo.com/

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »