Adelino Follador pede pela ponte do Jamari que está caindo

jun 3 • Política • 659 Visualizações • Nenhum comentário em Adelino Follador pede pela ponte do Jamari que está caindo

                            Preocupado com a situação de risco da ponte sobre o Rio Jamari, na rodovia RO-459, que liga a BR 364 à cidade de Alto Paraíso, o deputado Adelino Follador (DEM) indicou ontem ao governador Confúcio Moura a necessidade da recuperação imediata da estrutura da ponte, cujo pilar da cabeceira começou a ceder, colocando em risco a vida de seus usuários.

                             Segundo o parlamentar, a rodovia faz a ligação por uma região densamente povoada, com uma população de mais de 60 mil habitantes entre Alto Paraíso, Bom Futuro e adjacências, e a falta de manutenção da ponte é si só um poderoso entrave na vida da população que depende dela para suas atividades. O resultado, segundo ele, é prejuízo para o conjunto da economia local, que envolve todo o sistema de transporte e produtivo da região, prejudicando e levando risco desde os pequeninos a caminho da escola até o grande produtor de grãos que precisa escoar da produção, sem citar sua importância para o transporte do minério que vem de Bom Futuro.

Ao defender a urgência de sua indicação, Follador destacou os riscos, por acidente, a que estão submetidas as comunidades que dela fazem uso, e por isso pediu ao Departamento de Estradas de Rodagem (DER), que já planeje, em tempo, a recuperação da cabeceira da ponte, antes dela cair ou provocar grave acidente. “Não devemos fechar a porteira depois da boiada partir”, disse o deputado justificando a necessidade da execução da obra antes que ela cause dano maior do qual o próprio Governo possa se arrepender.

Segundo Adelino Follador a ponte sobre o Rio Jamari vem apresentando problemas há mais de quatro anos, mas a situação se agravou nos últimos seis meses, e por isso pede ao que DER faça de imediato o levantamento da necessidade e a consequente recuperação da obra.

Para o deputado, uma região que produz tanta riqueza não pode viver sobre a ameaça de um possível isolamento. Follador fez lembrar que pela ponte do Rio Jamari e pela RO-459 passam, além de carne, leite, peixe, arroz, café, mandioca e toda a cadeia produtiva decorrente do projeto da Agricultura Familiar, passa também praticamente a produção de cassiterita da região, e por esse motivo, espera contar com uma rápida ação do direção do DER.

 

Texto: Assessoria

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »